Principal / Pulmão / Modelo de Seção de Árvore Brônquica

Modelo de Seção de Árvore Brônquica
Modelo de Seção de Árvore Brônquica

Modelo de Seção de Árvore Brônquica, é um modelo em tamanho natural que mostra desde a bifurcação da traqueia através das suas subdivisões subsequentes até os segmentos bronco pulmonares.

No modelo as estruturas são numeradas e indicados os segmentos e subdivisões em cores didáticas para um fácil entendimento.

A árvore brônquica é o conjunto de estruturas que transportam o ar inspirado e exalado entre a laringe e os alvéolos pulmonares. A árvore brônquica é parte integrante do sistema respiratório.

A árvore brônquica é composta pelos brônquios, bronquíolos, sacos alveolares, e alvéolos e é responsável por levar o ar das narinas até os pulmões.

Ela se inicia quando a traqueia se divide em 2 brônquios primários, o direito e o esquerdo. Esses brônquios se ramificam em brônquios secundários e brônquios terciários.

À direita, as primeiras ramificações são formadas pelos 3 brônquios lobares, superior, médio e inferior.

À esquerda, por 2 brônquios lobares, superior e inferior, o pulmão esquerdo possui 2 lobos por causa do coração.

Informações

Modelo de Seção de Árvore Brônquica, é um modelo para estudo da anatomia, em escolas, universidades é ideal para treinamento, informação médica e científica.

Diferenciais

Equipamento de alto nível didático, além disso é numerado e pintado à mão para orientar o manuseio com riqueza em detalhes para um melhor aprendizado.

Características

  • Resina com aprovação em testes toxicológicos
  • Moldagem natural de alta qualidade
  • Fabricado em material sintético estável e inquebrável
  • Réplicas originais
  • Tamanho natural
  • Numerado e pintado à mão
  • Acompanha cartão informativo com as estruturas relacionadas
  • O modelo vem com base de polímero com suporte e haste de metal
  • Peso: 160g
  • Tamanho: 15cm x 22cm x 26cm
  • Código: PU22

Modelos anatômicos consistem na aplicação técnica de copiar uma peça utilizando material diverso ao original (resinas, plástico, entre outros materiais). Esta técnica no entanto tende a evoluir dentro da anatomia humana em função da falta de material anatômico para o ensino e pesquisa.
Os resultados obtidos com esta técnica demonstram que as cópias resinadas apresentam todas as características anatômicas do modelo e os custos são vantajosos, as peças resinadas possuem durabilidade superior às naturais e em casos de avaria, os modelos podem ser restaurados, o que não acontece com a maioria das peças anatômicas.

Link de referência: https://pt.wikipedia.org/wiki/%C3%81rvore_br%C3%B4nquica

Avaliação: 4,3 com base em 3 avaliações