Principal / Coração e Circulação / Coração Clássico com Hipertrofia Ventricular 2 Partes

Coração Clássico com Hipertrofia Ventricular 2 Partes, caracterizada pelo espessamento do miocárdio e das fibras musculares do ventrículo esquerdo.

Coração Clássico com Hipertrofia Ventricular 2 Partes, é um modelo em tamanho natural que mostra a doença cardíaca de hipertrofia compensatória.

Patologia caracterizada pelo espessamento do miocárdio e das fibras musculares do ventrículo esquerdo. Hipertrofia é complicação de uma hipertensão crônica.

É a principal causa da arritmia ventricular em jovens atletas, podendo causar desmaios, infarto do miocárdio e morte súbita. A hipertrofia geralmente é septal e assimétrica, sendo obstrutiva em 25% dos casos.

Afeta 2 em cada 1000 habitantes, e é igualmente comum entre homens e mulheres, podendo aparecer a qualquer idade. Os sintomas começam entre os 20 a 40 anos.

Informações

Coração Clássico com Hipertrofia Ventricular 2 Partes, é um modelo para estudo da anatomia, em escolas, universidades é ideal para treinamento, informação médica e científica.

Adequado para cardiologia, estudo anatômico geral, medicina esportiva ou reabilitação para educação do paciente e demonstração de procedimentos.

Diferenciais

Coração Clássico com Hipertrofia Ventricular 2 Partes, equipamento de alto nível didático, além disso é numerado e pintado à mão para orientar o manuseio com riqueza em detalhes para um melhor aprendizado.

Características

  • Plástico com aprovação em testes toxicológicos
  • Moldagem natural de alta qualidade
  • Fabricado em material sintético estável e inquebrável
  • Réplicas originais
  • Tamanho natural
  • Numerado e pintado à mão
  • Acompanha cartão informativo com as estruturas relacionadas
  • O modelo vem com base de polímero com suporte e haste de metal
  • Peso: 315g
  • Tamanho: 11cm x 11cm x 22cm
  • Código:

Modelos anatômicos consistem na aplicação técnica de copiar uma peça utilizando material diverso ao original (resinas, plástico, entre outros materiais). Esta técnica no entanto tende a evoluir dentro da anatomia humana em função da falta de material anatômico para o ensino e pesquisa.
Os resultados obtidos com esta técnica demonstram que as cópias resinadas apresentam todas as características anatômicas do modelo e os custos são vantajosos, as peças resinadas possuem durabilidade superior às naturais e em casos de avaria, os modelos podem ser restaurados, o que não acontece com a maioria das peças anatômicas.

Links de referência: https://pt.wikipedia.org/wiki/Cora%C3%A7%C3%A3o
https://pt.wikipedia.org/wiki/Cardiomiopatia_hipertr%C3%B3fica

Seja o primeiro a avaliar este artigo.